terça-feira, 17 de março de 2009

sexta-feira, 13 de março de 2009

Sem momento para o mais

Ando sempre atarefada, correndo como louca de um lado a outro. Pra quê? Pra quem? As tarefas me tomam menos tempo que o percurso de um afazer a outro. Eu não consumo bem o meu tempo. Ele é quem me consome, me traga, me sorve. Entre o cinza da cidade respingado pelo verde que subsiste, acelero corpo e pensamento. Não posso perder a hora, mas na hora me perco. Então, esbaforida e sem forças, atinjo o objetivo almejado. E agora? Agora já não existe, virou passado. Perdi tempo, já não tenho futuro. É tarde. A cada minuto percebo que estou (sobre)vivendo sem momento para o mais...

sábado, 7 de março de 2009

"Mas o fruto dO Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio." Gálatas 5.22